Como Conseguir Financiamento Estudantil para Medicina

Os alunos que desejam Medicina podem usar o financiamento com juros subsidiados pelo governo federal. O Fies para Medicina 2019 teve alguns processos modificados. Deste modo, houve a mudança de regras para quem pretende fazer este curso. Para entender sobre o Fies para Medicina 2019 confira o artigo abaixo.

O que é Fies para Medicina 2019

Muitos brasileiros possuem o sonho de estudar em uma faculdade de Medicina. No entanto, todos sabem que os valores não são tão acessíveis. Deste modo o FIES é uma alternativa para conseguir fazer o curso de modo financiado.

O FIES é uma iniciativa do governo federal na gestão do ensino superior. O Sisu (Sistema de Seleção Unificada) seleciona para vagas em universidades públicas. O Prouni (Programa Universidade para Todos) concede bolsas em instituições particulares. Já o Fies oferece contratos de financiamento com foco em alunos de baixa renda.

Nota de corte para Medicina

O aluno que deseja estudar medicina precisa obter notas entre 662,24 e 788,42. Estas bases são de acordo com os pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016.

Estas pontuações são provisórias ao processo de seleção do SISFIES 2019. A nota é feita conforme o balanço parcial dos cursos e as notas de corte provisórias conforme a procura.

A nota mais alta é da Universidade São Francisco, em Bragança Paulista, interior de São Paulo. Nesta o curso possui apenas uma vaga disponível no processo de seleção. De acordo com os dados o sistema apontava 788,42 pontos.

Já no extremo da tabela existe das 18 vagas oferecidas em Goiás pelo Centro Universitário de Mineiros. Sendo assim, conforme o MEC, a nota menor entre os 18 selecionados era de 662,24 pontos.

Com isto os alunos que desejavam o financiamento em Medicina pelo Fies precisavam ter uma média maior. Para o próximo ano não foi divulgado, mas dá para ter uma média. Em todo caso, logo que sair a nota de corte do FIES para Medicina iremos atualizar o artigo.

Novas regras para conseguir o Fies

O aluno que deseja ter o contrato do FIES precisam se adequar as seguintes normas:

A inscrição pode ser feita se o estudante fez o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) a partir da edição de 2010. Além disso, é preciso que ele tenha tido uma média igual ou superior a 450 pontos. E não pode zerar na redação.

Deve ter uma renda familiar mensal bruta per capita de até dois salários mínimos e meio.

Não pode usufruir do programa se apresentar o diploma de ensino superior.

Não pode fazer a inscrição do FIES 2019 os alunos que:

  • Possuem benefício de forma integral pelo ProUni;
  • Não foram pré-selecionados no processo seletivo;
  • Apresenta uma renda mensal maior do que a exigida pelo programa;
  • Não teve a nota mínima exigida;
  • Toda a inscrição deve ser feita pelo SisFIES. O site é do Ministério da Educação.
  • Para cadastro, acesse esse site (SisFIES).
  • Em seguida insira seu CPF, além da senha e código de verificação.
  • Na sequência o aluno vai criar um login de primeiro acesso.
  • Nos passos seguintes é preciso inserir seus dados pessoais, como renda familiar, curso e instituição. Nesta etapa também será escolhido o banco para financiamento.
  • Depois basta escolher o tipo de fiança e confirmar.

Após as informações serem validadas pela CPSA o aluno possui o prazo de dez dias para ir à instituição bancária para concluir o andamento.

A documentação precisa ser levada a CPSA (dez dias). Deste modo, o aluno vai ter concluído o seu cadastro para Fies para Medicina 2019.